O grande destaque da reunião foi a apresentação do Portal de Revistas em Veterinária e Zootecnia, desenvolvido com o software livre OJS. Esta iniciativa tende a ser o maior subproduto da BVS-Vet e tem como objetivo contribuir para a visibilidade da produção científica brasileira das áreas de medicina veterinária e zootecnia, promovendo a publicação de revistas científicas em acesso aberto.

 

Sobre o processo de certificação e desenvovilmento da BVS-Vet, a BIREME/OPAS/OMS, representada por Verônica Abdala, salientou a importância dos três pilares para a sustentabilidade da BVS: cooperantes, rede de conteúdos, e ambientes fáceis para as informações permearem. Dessa forma, o maior desafio da BVS-Vet é o fortalecimento de sua rede de cooperantes com a finalidade de ampliar a divisão de responsabilidades, facilitando todos os processos de trabalho e de divulgação.

 

A possibilidade de parceria entre a BVS-Vet e a BVS Saúde Pública Veterinária/PANAFTOSA esteve em pauta, e as estratégias de apoio e colaboração entre as BVSs serão discutidas, em meados de outubro, em reunião a ser realizada em São Paulo.

 

Até o final deste ano, a BVS-Vet dará início ao processo de avaliação com vistas à certificação, pois todos os integrantes do Comitê Consultivo concordaram que a biblioteca virtual está bem estruturada e em perfeitas condições de conquistar o selo que irá validar este importante trabalho que vem sendo desenvolvido há quase 10 anos.